Seguidores

2009/02/18

Não Sei de Você

"Não sei de você, mas eu..."


Não sei de você, mas eu?
Vou continuar acreditando...
Se me depreciarem,

Não desisto de estimularem as boas virtudes dos outros!

Caso desistam de mim, Vou continuar lutando!

Se me roubarem... Vou insistir em doar!

Se mentirem pra mim...Não vou me despir da verdade!

Se não lerem os meus textos...Vou escrever a cada dia, a cada alma!

Se me acharem ridículo...Continuarei na vida e nas pessoas investindo!

Se não quiserem a minha amizade...As minhas mãos estarão se estendendo!

Quanto ao mais...Vou preferir a fé em vez da religião, o amor no lugar da ingratidão...

Vou escolher perdoar, do que esperar a perfeição!

E de seus olhos aos meus textos...


Bem menos do que na minha 


sensibilidade, sinceridade com a 

Vossa compaixão!


Por isso, 

Obrigado por estar comigo esses pouco segundos que pra mim...

É uma eternidade de emoção!

Deus nos abençoe, 

pois sou carente de tudo e de todos, 

mas nenhum pouco de traição!

por isso, venha comigo e conosco!




Czar Dalma    



( escritor & poeta )
Todos os direitos reservados.
Postar um comentário