Seguidores

2010/11/30

Beija-flores


"Beija-flores"


Propondo dilemas
Rompendo em lágrimas sem cinemas
Ando atrás do que de mim fugiu!

Beijando as flores, amando rosas
Romântico demais, um tolo pros demais
Mas confio no que me fez assim, romântico de mim!

Vou comigo a te esperar, sem saber tua face
Querendo um beijo quando a noite iniciar
E um monte de amor quando agente se abraçar...

As pessoas olham pra mim, não vêem nada
Mas quando me conhecem, não digo nada a mais...
Do que um amante das flores e das pessoas que amam as demais!

Romântico de flores e rosas, já não faz sucesso
Mas isso não é mais preciso para mim...
Desde que me ouças e veja o luar raiando sem fim!



Czar D’alma - Escritor e Poeta.

Postar um comentário