Seguidores

2011/02/15

Obrigada Pelo Amor

 "Obrigada pelo Amor"








Dessas paredes mudas
Esses móveis calados
Das lembranças dos ventos...
Coisas lindas e soltas por dentro.


Dos dias sem voz
E da noite em boca.
Guardo momentos nossos
Aquela sua voz rouca


Meu minuto é uma eternidade
Quando você está distante, pelas vaidades
Minha vida continua e quando você foi
Levou o que restava dela...


Mas eu ainda tenho um sonho
E um monte de fotos nossas guardadas
Pra lembrar que fui feliz e amada
Pelo homem que, me cortejava...


Meus cabelos sentem tua saudade
Dentro dessas paredes de silêncio...
Agora tenho um mundo de liberdade
Mas sem você nada me liberta de verdade.


Quero aquele beijo...
Quero a sua voz sussurrando-me
Uma noite eterna de amor
A me perder pela minha vã castidade.


Desse meu silêncio
Sua voz ecoa minha sentença...
Meu mundo não tem voz,
Pois só quero a sua vez e tez.


Obrigada pelo amor!





Czar D’alma

Postar um comentário