Seguidores

2011/05/16

Um Disfarce

            "Um Disfarce"      



   



Acredite, vou te levar pro meu mundo
Sem essa serventia do absurdo...
Que não lhe vestem seus medos, seus lutos
De um amor, livre doce e absoluto.


Quero o teu beijo mais molhado
Quero acordar de conchinha ao seu lado
Roupas caídas, momentos eternos
Teu batom em meu terno.


Dos seus desejos eu fui o mais correto
Abrindo mão de valores, sua sede e deserto
Acredite, vou te levar pra mim...
Sem subornos e com seus cetins.


Tua roupa leve, sua cuca pesada...
A cada abraço, lágrima e felicidade
Por que deixastes um amor que
Não sejas feliz e mulher...


Não um ato de um vil covarde...
Onde eras a caça e seu desejo
Apenas um disfarce!


Um disfarce...




Czar D’alma



Postar um comentário