Seguidores

2011/07/27

Verdade Amor

           "Verdade Amor"      



           



Eu vou falar a verdade
Eu amo
Amo com a força que minha pobre alma tem.


Amo desde menino a esperança dos homens
Amo a sentença breve do por do sol, os rios e mares.
Amo a criança que, em mim habita e chora só.


Tem dias que, o meu amor, não quer falar comigo
Brinca com meus desejos,
Revela meus sonhos e me faz deitar só


Quando a noite chega é meu amor que, me consola.


Às vezes, ele olha minhas lágrimas, 
Me abraça e canta cantigas pra eu dormir...
A cada coisa que, relembra a saudade e 
O universo o meu amor, me grita
Me chama e me diz – Olha! 
Quem sabe lá você pode ser mais feliz!


Sorrindo pra mim, meu amor me cativa e 
Dança comigo às noites sombrias.


Vou falar a verdade, meu amor, 
Quase não tem falado comigo...
Ele gosta de me ouvir falar e me deixa 
Falando e falando até o dia raiar.


Ontem falando comigo e tendo meu amor a me escutar chorei

Chorei como a donzela que sabe que, seu amante não volta da guerra.

Chorei como num filme, onde olhando as guerras e perguntamos da paz.


Pra falar toda a verdade eu preciso ficar nu e tirar minha máscara
Mas sempre que faço isso, de mim 
Meu amor foge e finge que vai...


Cada palavra pra meu amor é como um
Tiro no escuro, pois eu a procuro
Em baixo do altar, em cima do muro e 
Atrás das luas e das marés.


Sempre que no encontramos, meu amor
Desconversa meus desejos e pede
Pra eu agüentar e esperar um pouco mais,


Pois ele esta semeando a minha companheira 
Com seus bordões de felicidade
E de mentira.


O amor me iludiu dizendo que, jamais seria, mas aconteceu


Hoje ele esta no olhar da mulher que, não me conhece...
E se me conhece, não sabe qual é o meu nome e do que o amor me fez.


Quando abriu a porta da saudade e 
Mandou embora o vazio e enfim, me mandou entrar.


Hoje eu estou nessa sala aberta da alma e fechada por fora,
Na esperança de meu amor, sorrindo, abrir a porta me abraçar
E dizendo em lágrimas, como foi bom,



Te encontrar!





Czar D’alma.



Postar um comentário