Seguidores

2011/09/11

Sentido Sagrado

            "Sentido Sagrado"   









Senta cá do meu lado, escute bem
Os meus medos nada são
Quando ao teu lado me sinto feliz
E dos seus braços a refém


Sente cá, escute mais
Eu te amo desde idos carnavais
Quando a noite era curta
E a cama grande demais


Dou-te meu beijo
Carrego-te comigo
Por esse sentido
Invisto até o fim


O perigo é morrer distante do coração
O teu beijo é calmaria e mansidão
De corpos ardentes se faz uma festa
E no frio dormimos agarradinhos, como seresta


Nascer é amar-te de novo
Do meu corpo sai o seu renovo
Onde me torno a coisa turva, híbrida
Sou teu manancial, quando és meu gozo


Vem cá escuta calado...
Eu ando tão feliz
Mas ainda não falaste
Quando serás o meu namorado.


Um minuto de silêncio...
E a eterna festa de lhe ter
Sempre ao meu lado.


Senta cá escuta logo
Pois o corpo cobiça o beijo
E isso é o mais 





Sagrado.








Czar D’alma




Postar um comentário