Seguidores

2013/01/06

F l o r e s R a s g a d a s

"Flores rasgadas"  -   Czar D'alma.
 
 
 
“Flores rasgadas” – Czar D’alma.
 
Eu rasguei flores no caminho
Desdenhei o meu rebento a procura de abrigo.
Eu sinto desejo de ser feliz e sorrir
Ainda mais quando do meu corpo o teu cheiro sinto.
 
Se rasguei flores sem sentido,
Malhando as incertezas do que digo...
Por ter certeza que era pra te acolher
Na cidade e paz onde eu choro, amo, habito e reside.
 
Se de tantas flores há alguma esperança
Onde a vida ao seu lado faça sentido...
Eu abro os braços das lembranças
Onde a vida contigo é tudo que preciso.
 
Eu no meu jardim recompus flores...
Mas não recomponho o caos dentro de mim,
Onde só meu Deus sabe como vivo.
 
Com flores rasgadas, mas, mandando beijos...
Pra vidas que não me conhecem, porém de mim julgam.
Aquilo do nosso jardim ser um Éden pra tua paz e meu juízo.
 
Czar D’alma – “Flores rasgadas”
 
 
Postar um comentário