Seguidores

2013/03/06

“Menos infeliz” – Czar D’alma.


 "Menos infeliz” – Czar D’alma







“Menos infeliz” – Czar D’alma




Se do silêncio eu me adornar
Se das casas mudas eu me encontrar.
Vem e visita a tua lembrança consigo
E deixa acontecer o que tu não podes terminar.




Se das sombras eu trago em mim
Se de luzes são feitas as lágrimas que comi.
Em dias de dor não é bom ficar sem dormir.
Pois ainda penso que a gente possa ser feliz.




Se do silêncio eu me revestir
Cantando o banzo que herdei de mim.
Quando todas noites reluziam em rios meus
Se tu ainda ficaste com o que de mim jamais prometeu.




Eu deito a ermo e desejo a paz
Pra que meu coração acorde em guerra sim
Ao abrir fronteira o infante que existe comigo
E deixar a vida com destreza, sem conforto e sem amigo.




Se das luzes haver um fim
Eu canto um banzo pelas noites frias
E sonho ao menos que isso
Me faça menos 





infeliz.





“Menos infeliz” – Czar D’alma


Postar um comentário