Seguidores

2016/08/25

“Pelo seu amor, sou capaz” – Czar D’alma.


“Pelo seu amor, sou capaz” – Czar D’alma




“Pelo seu amor, sou capaz” – Czar D’alma


Eu busco o ouro da aliança
Pra pôr em seus dedos
A minha fidelidade
E todos os meus segredos




Eu vou às marés mais fortes
Pra poder lhe impressionar
Que pelo amor teu
Sou capaz de tudo enfrentar




Pra ter uma gota do seu amor
Não meço forças pra lhe alcançar
Por cada beijo teu sim irei...
Em seus sonhos e fantasias mergulhar.




Tu não imaginas o que faço
Pra que possa comigo casar
Eu busco o vestido de noiva mais lindo
Faço jantares à luz de vela em meio ao mar.




Nem me diga que deliro
Isso será o meu ofício
Se tiveres nele o prazer.




Nem me diga que sou fraco.
Enfrento as guerras pra lhe ter comigo
Pra vencer o mundo que em teu mundo
Ainda não abrigo.




Eu que quero os seus momentos, não duvido
Que não saio com amigos e nem futebol aos domingos...
O meu preço é saber se terei você
Pra abrir os braços e lhe envolver.




Faço rimas, troco palavras
Mas se você não vem...
Esse meu mundo não vale nada.




Não se iluda com o tempo
Tudo vai envelhecer
Mas ao seu lado, nem a eternidade
Vai meu amor por ti, escurecer.




Nem que eu perca as vistas
Nem que não escutemos mais
Ainda nas idades mais distantes
Te quero e lhe amo cada dia a mais, sou capaz.




Os dias não apagam
As marés não afogam
O amor que lhe dei...
Não tomo de volta




É meu legado mais profundo,
Meu dilema mais obscuro
Que lhe dou pra você.




Pra que me permita a tua presença
Mesmo quando se formos desta vida
Eu agradecerei sempre a Deus
Por cada momento poder lhe proteger de tuas feridas.




Parece meio estranho
Mas se vieres aos meus braços...
Perceberás o valor que dou à tua vida.




Te amo em cada gesto
Em silêncio e verbo
Em dias de luto ou de felicidades
Só quero de você estar por perto




Porque onde viverei... Viveremos
Se os dias passam e os amores não brotam mais
Pra ter a tua presença ao lado
De tudo e mais um pouco...





Sou capaz!





“Pelo seu amor, sou capaz” – Czar D’alma.  




Postar um comentário