Seguidores

2011/03/26

Hey Senhor

    "Hey  Senhor" 



Hey, Senhor, Dá uma olhadela cá!
O mundo esta cada dia mais louco
A Líbia esta em apuros
O Japão me deixa dos gritos rouco...


Hey Senhor quando vamos brindar
Da magia dos meninos em seus calabouços.
Minha terra em seus habitats meus negros soltos
Onde chovem em meu Sertão, cadê meus abrolhos.


Hey Senhor vamos sonhar com a esperança dada
Comprar a luz que há no mar, e das estrelas com namorada
Quimeras em homens de armas e fardas, uns sempre elegantes
Mas com o sangue em sede, pelas suas espadas!


Hey Senhor, quem pode alimentar a Etiópia e o ópio
Dos arranha-céus que, descerá o presidente com ódio...
Meninas nuas querendo comer, homens querendo prazer
Sorrisos em pistolas dos homens maus, esses tempos dão.


Quero a força que há na paz, a paz que há no amor
Minha prece habitará no coração de poucos...
Mesmo assim vou continuar
Mesmo que me chamem louco!


Hey Senhor o que, que há...
Deixa a criança poder ir brincar
Sem medo da bala que atingirá
A sentença de quem é solto!


Hey, Senhor me dá um abraço
Deixa-me poder rir e não chorar
Da esperança que o mundo tem
Um minuto de paz pra mãe que, o filho não vem!


Hey, Senhor o que há!
 Na cabeça do poder
Por segundo morrem mais
Dos que querem nascer!


Hey Senhor me perdoe...
Pela prece minha.
Esquece de minhas mazelas, um pouco
E dê um pouco de amor, paz e mais que, farinha!


Pra fome que reina em cada esquina.




Czar D’alma 

Postar um comentário