Seguidores

2011/03/12

Lembra de Mim

    "Lembra  de  Mim









Lembra de mim, me dá um abraço
Vem e veja o que de mim, resta em pedaços...
Flores tristes, coisas na estante...
Estantes eternizados em diamantes


Lembra de mim, me dá sua atenção
A coroa do amor, esta em saber dar a mão
Pra eu atravessar o rio que, em mim há
E naquele que deixou em mim, tal aflição.


Eu deito em luas longas                      
Noites de cheia solidão
A casa aberta... A saudade na mão
Ou por todo meu corpo, aquela volição...


Lembra de mim, me dá o desprezo
Pra eu esquecer que você é último e primeiro
A esquecer uma dama em tormentas e solidão
Coração no bar, amigos alados e meu amor vão...


Das centelhas de fogo na alma
Das noites ardentes em desejo
Eu sou o que, quer amar
Em meio à praia e no fundo do mar.


Lembra de mim...



Czar D’alma  –  Escritor  e  Poeta.
Postar um comentário