Seguidores

2011/07/02

A Meretriz

            "A Meretriz"   



          



Nos vislumbres das marés
Ecos de seus gemidos tomam-me
Arrastado em doses lânguidas
Enfim depois de seu adeus me pus de pé


Nos vislumbres dos seus olhos
Pelos olhares em outras bocas
Findava o nu em mim da roupa
Tu te foste sem sequer esquecer a outra


Revi o amor e joguei-o no mar
Tomei da dor e me vinguei
Com punhal em ti apunhalei
E no réu dos bancos fiquei


Dito tudo isso me calo...
Um advogado e outro diabo
Estão a me defender, então
Aos meus dentes do sangue lavo


E faço boa cara pro juiz...
Sou agora a amante e mulher
Ou Aquela louca




Meretriz?






Czar D’alma 



Postar um comentário