Seguidores

2011/08/17

Céus do Amor

            "Céus do Amor"      









Se as estrelas caírem
Hoje à noite
Junto as minhas lágrimas
E faço um céu coberto
De dádivas...


Quando as estrelas caírem
Componho um céu pra ti deitar
Deixo aqui dentro de mim o meu amor
E mostro lá que te quero sempre amar, amar, amar...


Como as águas de um riacho
Adormecer seus medos em cachos
Pra refrescar teu pensamento
Desdobrar o vil momento onde te acho


Eu vou comer estrelas
Pra cantar constelações de meu amor
E quando acordares, vir tudo lindo
E a vida que seja como for...




Estamos entre céus do amor!







Czar D’alma



Postar um comentário