Seguidores

2010/12/01

Das Flores ll


 Das flores ll


 
Pela terra, caindo em sementes
Aplaudo o espetáculo da vida presente
Em suma, o tempo e a chuva faz o que
De fato não se é aparente...

Com dias nasce. Com as noites dormem!
Caminham em caminhões, vão de mãos em mãos
Na procura de um amor, lá se vai a rosa e a flor...
E o menino procura o coração da amada, que bom!

Então eles se encontram no shopping
Romances e declarações e assim se entrega as flores...
Um beijo doce, no valor de mais que mil palavras
Assim a terra vence de novo e a semente recria.

A esperança de brotar no coração dos homens
A saudade, esperança e a beleza do amor!



Czar D’alma
Postar um comentário