Seguidores

2011/01/31

Nas linhas do amor e delírio

 "Nas linhas do Amor e Delírio"











Sabe to com vontade de estar contigo
Beijar pra la da mão 
Ser a razão do perigo...

Sua imaginação, medo, 
Desejo e sentido

Ah fugi. 
Saí da linha central 
E do Egito!


Caminhando em sonhos
Perde-se a cabeça
Delira-se como lírico
Da frente do afrodisíaco!


Eu ando nadando em círculos
Perdendo a noção dos sentidos
Liderando a fuga de Marte
Dormindo na lua... Ilíaco


Ah eu quero a minha vida
Em suas mãos e comigo...
Na ilha da esperança nadar sem mim
Querendo amanhecer com o anjo lindo...


Que se chama o Amor que teci
Nas teias do ardor e do delírio!



Czar D’alma 



Postar um comentário